quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Caridade


(Na sequência: Varanda da clínica, entrada do museu e fila do hospital ao público carente.)

Ontem meu marido visitou o museu do hospital. Infelizmente, não pude acompanhá-lo, pois é em outro prédio. E como falei, estou internada e não tenho como sair.
O museu é ao lado do prédio que oferece consulta gratuitamente para qualquer pessoa pobre. Por dia são mais de 1.000 pessoas se consultando. E detalhe, estamos falando de um hospital PARTICULAR, que não recebe nenhuma ajuda do governo. Impressionante, não?

Além das consultas, este outro prédio, chamado de O.P. (out pacient) também tem capacidade para 170 internações gratuitas. Onde as pessoas recebem a mesma atenção e os mesmos recursos que estão me aplicando. Tudo DE GRAÇA!!!
O atual médico chefe é bem velhinho, disseram-me que possui 96 anos. Quando fiquei sabendo de sua idade pensei que não tivesse muitas atividades no hospital, afinal 96 anos é muita idade até para quem trabalha com saúde.
No final da visita ao museu meu marido comprou um DVD que conta a história do hospital e do ayurveda. A cena que achei mais bonita foi a deste médico chefe visitando os pacientes que são atendidos e internados no O.P., ou seja, no hospital de caridade.
Fomos dormir em seguida e peguei no sono imaginando como seria bom se ele ainda fizesse visitas e que elas incluíssem os pacientes do hospital particular. Parecia-me pura fantasia, mas tinha um sabor de estar sendo protegida por alguém que carrega a responsabilidade de perpetuar o Ayurveda no planeta.

Pela manhã demoramos a receber a visita do médico que me acompanha. Ele tinha gastado muito tempo no primeiro quarto, pois a paciente, uma senhora obesa, teve algumas complicações.
Terminada a minha visita médica, fomos para o corredor do hospital, que possui uma varanda, para observar o movimento do jardim do hospital. Encontramos o paciente do segundo quarto, o nosso é o terceiro, que puxou conversa. Mais um indiano que trabalha nos E.U.A. e sofre de problemas na coluna.
Ele conhece profundamente o hospital, pois já estivera outras vezes com familiares, e resolveu fazer um breve comentário sobre o início do hospital e sobre o atual administrador, o médico chefe. Por incrível que pareça, neste exato momento, vemos sair do primeiro quarto o meu médico acompanhado do médico chefe.
Nossa conversa parou imediatamente e ficamos apenas admirando o caminhar firme e suave deste homem de tanta idade e tamanha saúde. Passou por nos e nos cumprimentou com um gesto de cabeça e seguiu a frente para visitar outros pacientes com situações graves.
Estava enganada, ele continua a trabalhar e a visitar os pacientes mesmo os que pagam pelo tratamento, além de administrar vários estabelecimentos do próprio hospital (o prédio de publicações, o herbário, a escola de Kathakali, a fábrica de remédios, as farmácias, etc...). Inacreditável.
Como lição, ainda percebi que sonhos se realizam. NUNCA DESISTA DE UM SONHO!!!


Paz e saúde a todos !!

4 comentários:

Bruna disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bruna disse...

Oi Laura! Como estão as coisas por ai? O tratamento está correndo como o esperado?
Nossa, achei teu blog muito interessante! Não tinha lido ainda e, infelizmente, ainda não consegui ler todos teus posts, mas agora de férias certamente conseguirei lê-lo!
É incrível como um hospital particular atende mais de 1.000 pessoas gratuitamente apenas para curá-las, sem visar lucros! Pena que aqui no Brasil a idéia é muito diferente!
Eu, a Mãe e o Pai desejamos que tudo corra bem no teu tratamento!
Um grande beijo para ti e para o Marcos!

Bruna Santiago Almeida

dicasampaio disse...

Quem dera q aqui no Ocidente boa parte das pessoas absorvesse esta filosofia de vida, este desapego, esta capacidade de servir ao próximo... Enfim... É realmente fantástica a experiência q vc consegue ter aí... Acho q é mais incrível a experiência de vida q vc adquire a cada estadia na Ìndia, do q o próprio tratamento em si mesmo... E q bom q vc recebeu hj este presente de se sentir agraciada pela proteção e cuidado do médico chefe... Saúde e paz pra vc... Diana

Adriana disse...

Laura,

O seu blog está fantástico, tenho acompanhado sempre, e gostaria de dizer que esse foi um dos posts mais bonitos que já li até agora! Que belo exemplo! E que experiência maravilhosa vc está vivendo! Boa sorte e tudo de bom! Bons fluidos, saúde e paz! Bjs!