terça-feira, 14 de julho de 2009

Sementes de abóbora


O uso da semente de abóbora popularizou-se como vermífugo infantil e fonte de zinco. Hoje, sabe-se que as propriedades terapêuticas apresentam valores curativos mais amplos.

Esta sementinha branca consumida torrada e salgada é riquíssima em potássio, proteínas, gorduras de boa qualidade, vitaminas A e do complexo B, fósforo, ferro, cálcio, zinco e magnésio.

A semente de abóbora tem reconhecida propriedade antiinflamatória, principalmente nas doenças da próstata e do sistema urinário. Cozida em água é uma boa indicação para o tratamento da bronquite.

Nutritivas, energéticas e com propriedades que as tornam um afrodisíaco natural, as sementes de abóbora podem ser consumidas como petiscos.

As pessoas de dosha Kapha têm poucas opções quando se trata de nozes e sementes devido ao elevado teor de gordura. Mas as sementes de abóbora são uma excelente escolha para carregar na bolsa e "enganar" a fome. São mais indicadas para Kapha e Pitta. Leves e fáceis de digerir.

Veja como preparar: separe as sementes da abóbora e limpe bem, retirando os resíduos. Depois de escorrer em uma peneira, espalhe-as em uma assadeira. Coloque sal a gosto e asse em forno médio (180° C), pré-aquecido, por 45 minutos ou até as sementes dourarem. Guarde-as em um recipiente seco.

Mas também é possível encontrá-las prontas nos supermercados e lojas especializadas em produtos naturais.

Muita saúde e paz a todos.

6 comentários:

Sara disse...

Olá Laura !

Sou uma leitora assídua do seu blog, tenho um grande fascínio pela Índia e gostaria muito de um dia lá ir.

Ao ler o seu blog, mantenho-me informada sobre a sua cultura e também sobre a sua medicina :D

Parabéns pelo seu blog !

Um beijo

Anônimo disse...

Amore mio!!!!Voce é meu orgulho!!!
Parabens pelos 500000 acessos. UAOU!!!!
PODEROSA!!!!!
bjs bjs Neza

Srta. Vani disse...

Parabéns pelo blog!!!!!
Realmente essas sementes como petiscos ficam maravilhosas!
Quando puder passe no meu blog!
Tenha uma ótima semana!

Rosinha Menezes disse...

Já em criança as sementes de abóbora eram obrigatórias e comidas como remédio. Hoje ainda as uso como remédio contra a minha diverticulose. Acho até que exagero, pois sempre ultrapasso a cota ideal de 60 sementes por dia.

Onde posso encontrar cardamomo no Rio de Janeiro?

Rosinha Menezes

Anônimo disse...

Olá, laura, gostaria de saber se meus filhos de dois e nove anos podem consumir as sementes de abobora diariamente e se elas ajudam no bom funcionamento do intestino.obrigada. abraço.

Luiz disse...

Olá Laura em pesquisa me deparei com o seu blog, mais pela parte da Índia,há uns tempos atras fui ativista do movimento Hare Krisna e aprendi muito a respeito da culinaria indiana e de sua medicina fantastico mesmo. Li este livro que achei muito interessante. Arqueologias culinárias da Índia de Fernanda de Camargo Moro.
também escrevo um blog a respeito de vida saudavel e alimentação natural, caso queira da um pulinho lá. verdesnaturais.com
शांति (Paz)