domingo, 22 de novembro de 2009

Notícias de Pune





Desculpem a falta de posts e notícias. Realmente a vida aqui na Índia está bastante agitada.

Já estou me sentindo bem melhor. A dor diminui bastante, mas no final do dia começa a piorar. Mas aos poucos tudo voltará ao normal, já que não há nenhuma lesão na coluna.

Chegamos em Pune na quinta a noite, depois de uma longa saga. Contratamos um taxi em Mumbai para nos trazer. O tempo aproximado é de 3 horas mas levamos 7h. O motorista, um garoto jovem, que não falava, nem entendia nada inglês, foi designado. Acredito que era a primeira vez que vinha à Pune, já que perdeu todas as entradas da cidade, e percorreu mais de 20km para fazer um perigoso retorno.

Depois disso, chegamos na cidade por volta das 16:30 e havíamos saído de Mumbai as 11h. Para completar, munido de uma grande arrogância, o motorista começou a rodar a cidade de lá para cá, e fazia o mesmo trajeto diversas vezes. Não tinha a mínima noção de como chegar no apartamento que alugamos. Tentei várias vezes descer do carro para telefonar e conseguir uma explicação de como chegar, mas ele não deixou. Perguntava só para quem ele queria e cada um dava uma orientação diferente. Depois de mais de 2 horas chegamos no local. Entramos no apartamento exaustos e fomos direto deitar.

No dia seguinte, sexta-feira, começou o curso de Nutrição ayurvédica. E é por este motivo que não tenho tido tempo para escrever aqui. As aulas começam às 9h, temos uma pausa de 1 hora para almoço e retornamos até as 17h. Chego em casa cansada, vou preparar algo para comer e ainda estudar um pouco antes de deitar.

Mas assim que me acostumar com o ritmo das aulas e as dores na coluna cederem, escreverei com mais frequência.

Paz e saúde a todos.

Um comentário:

BIa disse...

Laura guerreira estóica!

Me orgulho de ser sua amiga!
Vc não existe.
Parabéns.
Enorme bj com saudade