domingo, 27 de dezembro de 2009

O desejo feminino


Fair and lovely fairness cream
Uploaded by inde. - Discover videos of people, family and friends.

Desta vez não tenho restrições aqui no hospital. Posso assistir Tv, ler, escrever e ir na rua.

Tenho aproveitado o tempo livre para estudar, já que aqui há uma excelente biblioteca com inúmeros livros, enciclopédias e revistas de ayurveda e sobre a cultura indiana.

Após o jantar, assisto um pouco de TV. Temos Tv a cabo no quarto com mais de 40 canais de muita vida indiana. Não entendo quase nada, pois a maioria dos programas são em hindi, malayalam ou outras línguas indianas. Mas o visual dos programas é fantástico.

O que mais chama a atenção são as propagandas. É interessante ver o tipo e a variedade de produtos que a mídia está tentando impor aos telespectadores.

Grandes marcas de cosméticos como Garnier e Ponds perceberam o grande mercado feminino indiano. Um dos produtos produzido e comercializado por estas empresas e desejado pelas maioria das mulheres do norte e centro da Índia é o Fairnes, um clareador de pele.

No Brasil, muitas mulheres são fascinadas pela cor de pele dourada. Aproveitam cada minuto para ganhar um “belo”bronzeado, expondo-se ao sol. Algumas chegam a pagar para serem “tostadas” nas máquinas de bronzeamento artificial só para ficarem morenas.

Aqui o desejo é outro: tão estúpido e inconsequente quanto das ocidentais. Aqui as mulheres desejam "embranquecer". Há uma fórmula ayurvédica que foi modificada e nela adicionada produtos químicos que geram um "embranquecimento" rápido. Em apenas 7 dias pode-se ver a diferença (dizem as propagandas).

É claro que existem
consequências maléficas. Há várias estudos e pesquisas mostrando a relação entre o uso destes produtos e casos de câncer de pele, alergias, doenças de pele, etc.. Mas as mulheres não estão preocupadas, assim como as ocidentais. Todas querem apenas conquistar uma bela aparência (de acordo, é claro, com suas própias crenças).

Fora isso, há inúmeras discussões filósóficas sobre o tema. Muitos aqui dizem que isto é uma manifestação de racismo...não cheguei ler muito sobre o assunto, mas quando tiver tempo lerei um pouco à respeito.

Adicionei o vídeo de uma das propagandas do Fairness Cream para vocês conhecerem melhor...

Saúde e conhecimento a todos...

Um comentário:

Beaz disse...

Mulheres que colocam o padrão estético acima da preservação da saúde há em todos os quadrantes, pelo visto! Aqui foram proibidas as máquinas de bronzeamento. Os cremes bronzeadores sem sol as deixam cor de abóbora, mas há quem os use. Tão engraçado e, ao mesmo tempo, tão melancólico!