quinta-feira, 28 de julho de 2011

Compartilhando a vida....

Obrigada Carol e Juliana.. uma bela reportagem e fotos belíssimas...

Obrigada pelo carinho e pela oportunidade de compartilhar esta minha experiência...

É natural, meu caro!

Publicado em 22 julho 2011

Tags: vegetariano

Em a Fisiologia do Gosto, o gastrônomo Brillat-Savarin introduziu seus estudos com vinte aforismos, os quais definiu como “princípios básicos e base eterna à ciência”. A quarta orientação é elementar para descrever o cenário contemporâneo: “Dize-me o que comes e te direi quem és”. Em meio à profusão de informações sobre alimentação, epidemias de obesidade, transtornos alimentares, crises ambientais e insegurança alimentar, a sociedade reflete o que a sustentou nos últimos anos: uma fome insaciável pela padronização do gosto e industrialização do modo de comer.

O filósofo francês Gilles Lipovetsky, em entrevista ao Informativo Malagueta, destacou que “antes, não se fazia perguntas para comer. Hoje, há uma obsessão pela longevidade. São muitos questionamentos para alimentar o corpo”. O interesse em tendências naturais vem crescendo no Brasil. Segundo pesquisa do Ibope, realizada entre agosto de 2009 e julho de 2010, 9% dos entrevistados eram vegetarianos. A Escola Superior de Propaganda e Marketing publicou um estudo no final de 2010, onde contabilizou 4% de vegetarianos entre jovens de São Paulo e Rio, das classes A, B e C. Nos Estados Unidos, um em cada cinco universitários já aboliu a carne.

O desejo do brasileiro em alimentar-se corretamente está em pauta na sétima edição da Feira Internacional de Alimentação Saudável, Produtos Naturais e Saúde, a Natural Tech. Até o dia 24 de julho, em São Paulo, a programação inclui o quarto seminário de Alimentação Ética, Saudável e Sustentável; e o Festival de Cozinha Vegetariana, organizado pela Sociedade Vegetariana Brasileira. De acordo com a empresa de pesquisa Euromonitor, o mercado de alimentos e bebidas ligados a saúde e ao bem-estar movimentará no Brasil R$ 33 bilhões em três anos, ante R$ 23 bilhões em 2009.

“O potencial de negócios é grande e pouco explorado, pois além dos interessados em qualidade de vida, existem nichos de produtos orgânicos e para vegetarianos, veganos, alérgicos e intolerantes”, diz Lúcia Cristina de Buone, gerente de Negócios da Francal Feiras, que promove a Natural Tech.

Comer bem não é simples

O incentivo para mudar os hábitos à mesa é mais eficiente quando parte de uma experiência pessoal. Aderir a uma determinada vertente, diante de tantos estímulos e facilidades da indústria, é preciso tocar diretamente o corpo. Foi o que aconteceu há seis anos com a culinarista e terapeuta Ayurveda Laura Pires. No ano de 2005, a então assistente de arquitetura acordou sem a visão lateral, parte da coordenação motora comprometida e sem a sensibilidade dos movimentos. Com o diagnóstico de Esclerose Múltipla (EM), Laura decidiu buscar a medicina alternativa.

“Passei 21 dias internada em um hospital de medicina Ayurveda e voltei para o Brasil enxergando. Depois de um ano e meio recuperei os movimentos”, conta. Seu aprendizado nesse período foi entender que precisava ter uma alimentação adequada para prevenir e curar doenças. Antes da Esclerose, ela julgava ter uma boa dieta, pois era ovolactovegetariana desde os 19 anos. “Achava que era saudável porque comia soja e arroz integral. Nunca gostei de cozinhar porque só comia em restaurante”, diz.

Com um regime alimentar restrito, baseado nos princípios da Ayurveda (ciência da longevidade), encarou outras mudanças na sua rotina. A primeira delas foi aventurar-se na cozinha. “Para sobreviver, tive que aprender a cozinhar, mas tem que aprimorar o cardápio para não ficar cansativo e desestimulante. Ou eu seguia as orientações; ou voltaria a ter os sintomas”, afirma. Ela destaca que a sua dieta é restrita devido à patologia que sofreu, entretanto quem previne no dia a dia não precisa ter tantas restrições.

No depoimento de Laura, de 30 anos, a experiência a motivou a compartilhar o prazer de comer bem, de maneira funcional, preventiva e até curativa. Depois de formar-se em terapeuta Ayurvédica, ela seguiu novamente para a Índia. Lá, cursou nutrição e culinária. A moça não só aprendeu a preparar seu próprio alimento como dá aulas de culinária na escola Mise en Place, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Também desenvolve consultas individuais em terapia alimentar e nutricional ayurvédica.

Para ler a matéria completa:

http://www.malaguetacomunicacao.com.br/2011/07/e-natural-meu-caro/



Últimas vagas.. Curso Yoga e Ayurveda: Yogoterapia


CURSO DE APROFUNDAMENTO EM YOGA E AYURVEDA

Qualquer pessoa pode participar...
Não é necessário ter conhecimento, praticar ou trabalhar com yoga e ayurveda.

PROGRAMAÇÃO

Apresentação e Formato do Curso

APRESENTAÇÃO E FORMATO:
O curso na sua totalidade será apresentado e ministrado durante 5 meses/módulos.
Cada módulo é composto por:
- 1 (uma) aula mensal de um final de Semana (sábado das 9hs às 18hs e domingo das 9h as 14h ).
- 1 aula prática mensal – sábado (9h as 12h) – o dia desta aula pode ser modificado de acordo com os interesse e disponibilidade dos alunos e professores.

Cada módulo é composto aproximadamente de 16hs.

Valor: R$ 1.600,00 - 5 parcelas R$ 320,00 ou 5% de desconto a vista.
A quem este Curso se destina:
· A todos que querem ampliar seu conhecimento e prática dentro das verdadeiras bases do Yoga e Ayurveda, ter um maior entendimento do ser humano e de suas relações com o corpo, mente e espírito. E profissionais de yoga e ayurveda ou de outras áreas que buscam o bem-estar e a harmonia em suas vidas para seu próprio crescimento pessoal, dos seus alunos, pacientes e familiares.


MÓDULO I - FILOSOFIA DO YOGA - DIAS 6 E 7 DE AGOSTO DE 2011 - Diego Koury
Princípios , fundamentos da prática. Yoga sutra. O que é yoga ? Por quê yoga ? Para quê ?

MÓDULO I I – FILOSOFIA AYURVÉDICA- DIAS 3 E 4 DE SETEMBRO DE 2011 - Laura Pires
Princípios ayurvédicos. Doshas, Dhatus, Gunas, Alimentação.

MÓDULO III – UNIÃO YOGA E AYURVEDA - DIAS 1 E 2 DE OUTUBRO DE 2011 - Diego Koury e Laura Pires
Aspectos filosóficos e práticos da yoga e ayurveda para pacificar, curar e equilibrar a saúde, o sono, a alimentação e a mente.
DIA 8 DE OUTUBRO –YOGATERAPIA - Diego Koury

MÓDULO IV- TAPAS - DIAS 5 E 6 DE NOVEMBRO DE 2011 - Diego Koury
Purificação dos tecidos e da mente, Obstáculos do yoga, kryas, asanas.
DIA 13 DE NOVEMBRO – YOGATERAPIA - Diego Koury

MÓDULO V- YOGATERAPIA - DIAS 3 E 4 DE DEZEMBRO DE 2011 - Diego Koury
Princípios filosóficos e práticos da Yogaterapia. Natureza asanas, pranayamas.
- DIA 10 DE DEZEMBRO PRÁTICA DE YOGATERAPIA - Diego Koury

· Diego Koury foi apresentado ao universo do Yoga, ainda criança, por seus pais. Em 1993 sua curiosidade o levou a freqüentar as aulas e palestras que seus pais frequentavam. Inspirado por seu primeiro professor, Paulinho, e pelas palestras de José Hermógenes, foi se interessando cada vez mais pela cultura do Yoga. No ano de 2001, a pedido de amigos, começou a compartilhar o que sabia e consequentemente a estudar mais sobre o assunto. Em 2003 recebeu uma bolsa para estudar Yoga na KYM, Krishnamacharya Yoga Mandiram e desde então tem feito frequentes viagens a Índia para estudar, principalmente com Desikachar e família, e também com a querida professora Sangita Kannam. Durante esses anos Diego teve como professor Paulinho, Danilo Sathya, Desikachar e família, Lino Miele, seu professor de Asthanga Yoga, Deborah Weinberg e Sangita Kannam. Diego ministra aulas de Yoga na Barra da Tijuca e Ipanema, Rio de Janeiro.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Agora eu entendi


Agora eu entendi, porque um certo mal humor, uma certa tristeza ronda os meus dias… não é a desintoxicação....

Hoje , fazem 10 anos que perdi uma das pessoas mais importantes da minha vida.. minha avó...

Sempre tive muito medo desse dia chegar. Medo, pois não iria aguentar, seria carga demais pra mim. Medo por amá-la demais e não ter mais o seu carinho, o cafuné, o colinho, as comidinhas que só ela sabia fazer do jeito que eu gostava, da preocupação, do amor, dos conselhos, das broncas, de tudo.

Medos e mais medos.

Na época sofri demais... tive que fazer muita terapia...sessões e mais sessões de hipnose para reverter todo o medo que senti por esta perda....Acreditava que tinha Perdido tudo o que eu tinha de mais puro e melhor, perdi a minha melhor parte.

Mas ok, hoje eu sei... não perdi, ela vai estar sempre comigo, sempre presente, me olhando, guiando, orientando.

Na época, apesar já ter afinidade com o budismo, não tinha muita consciência da vida....Sempre tive dificuldade de lidar com perdas de pessoas que gosto demais.... mas também sempre facilidade em superar tudo depois de um certo tempo...

Nascemos porque temos uma missão.

Todos têm uma missão. É por essa razão que nascemos. É por isso que, independentemente do que aconteça, devemos prosseguir na vida superando tudo.

Talvez se tivesse o conhecimento que tenho hoje poderia ter lhe ajudo a curar sua doença...ou quem sabe ajudá-la a prevenir ou a sofrer menos os efeitos dos tratamentos...sei lá...isso também não é regra... outras pessoas na minha própria família hoje adoecem e continuam buscando os caminhos que levam cada dia para mais doenças...mas...como sempre digo: “Cada um tem um tempo para aceitar ou tomar conhecimento de algo que realmente possa mudar a vida...e por fim beneficiar todos que estão à sua volta” .


Minha avó teve câncer de mama e foi dada como “curada”por 5 anos... nenhuma orientação de hábitos, mudanças de estilo de vida , alimentação, rotina foram feitas por seus médicos...

O câncer foi removido em cirurgias, doses terríveis de quimioterapia e radioterapia..

A vida continuou igual por mais 5 anos, a única diferença e orientação era que tinha que fazer exames de controle...e exames previnem??? Não.... mas esta era a orientação..


E foi que os 5 anos fatídicos passaram e o câncer voltou... como na maioria das pessoas....desta vez no cérebro, no fígado e no pulmão..metástases por todos os lados..

Neste momento: Ela desistiu...achou que não era possível lutar ...perdeu a coordenação, a locomoção, sentia dores terríveis....uma doença silenciosa e que gera sofrimento para todos ao redor...

Tentou mais uma vez doses de quimioterapia, e nada adiantava

Hoje , olho para traz e vejo que talvez as coisas pudessem ter sido diferentes... pelo menos eu teria tido outras atitudes, outros comportamentos....


Mas assim é a vida...

Transformações, experiências diárias...

Desculpem o desabafo, mas sei que é bom compartilhar cada momento, cada vivência...

Dias de muita alegria, dias de reflexão, dias de saudades, dias de conquistas.... dias da vida!!!!

Paz e saúde a todos.....

Dia de dieta: 3° dia de detox ayurvédica

Hoje é o 3 ° dia da desintoxicação...

Meu humor foi embora... acordei sem a menor vontade de nada... o corpo está bem disposto, mais flexível, e como tenho comido bastante, acho que consegui engordar (eu pelo menos não quero e nem posso emagrecer)



Tem dias na desintoxicação que são assim...algumas emoções também precisam ser colocadas para fora...

Ficamos acumulando gorduras, toxinas no nosso corpo...mas também acumulamos sentimentos confusos e mal resolvidos e precisam ser limpos...

Portanto, hoje ....poucas palavras...rsrrs

Meu café da manhã foi bem substancioso hoje: fiz um chazinho de erva-doce fresca (funcho), e comi 2 torradas com ghee e orégano.

Para completar um copo de suco de laranja com mamão e uma salada de frutas (pera, maçã e morangos- tudo orgânico!!!!!!!!) com quinoa em flocos e mel...

Já preparei minha marmita, pois terei que sair e voltarei para casa tarde....e nada de comidinhas na rua!!!! Apenas alguns sucos de frutas naturais...

Bom dia para todos nós...

Paz e saúde....



terça-feira, 26 de julho de 2011

Desintoxique: Receita de Macarrão integral com alho poró e ervilhas frescas


Preparando meu jantar detox: Macarrão integral com alho poró, ghee e mini ervilhas frescas..

Ingredientes:

1/2 alho poró em fatias finas
100g de mini ervilhas frescas
50g de macarrão integral
1 colher de chá de ghee
1 pitada de curry
sal marinho a gosto (pouco!!!!)

Coloque água para a ferver: e depois adicione o macarrão. Cozinhe até que fique al dente.

Enquanto isso refogue o alho poró no ghee. Quando estiver bem dourado adicione o curry , as ervilhas e 1 copo de água. Deixe cozinhar até a água secar, adicione o sal e misture no macarrão.

Bom apetite e boa desintoxicação...

Dieta saudável : desintoxicante - Parte II


Continuando nosso assunto desintoxicação....

Resolvi também começar a desintoxicação.... vários pacientes estão fazendo...muitas dúvidas, sintomas bons, outros um pouco desagradáveis... estava precisando fazer uma faxina no corpo....muito trabalho, muitas viagens, muitas emoções diferentes...isto tudo me gerou muita "ama "( toxinas).

A desintoxicação mexe com as emoções, com os pensamentos, com o corpo, com a energia....

Hoje acordei cheia de energia....pulei da cama com muita disposição...e preciso...hoje terei um dia cheio.

Durante a detox ayurvédica não é permitido o consumo de leites, queijos, carnes de todas as espécies, óleos, sementes oleaginosas.....é uma dieta bem restritiva, portanto , como falei anteriormente não deve ser seguida por longo período de tempo...

Eu farei por 1 semana...e vocês poderão acompanhar por aqui, mais este processo...

Ao acordar, e em jejum , reparei na minha língua...a quantidade de toxinas que ela apresentava... e com um raspador metálico removi seu excesso... depois o jala neti: para limpar minhas vias respiratórias...

A barriga já estava roncando, mas apenas um aromático chá de cardamomo e em seguida minha prática de yoga....

Agora minha a fome já aumentou bastante e preparei meu delicioso e desintoxicante café da manhã: Suco de laranja natural com mamão papaya, pão 100% integral e orgânico com ghee, e uma maça assada no forno com canela, cardamomo, granola sem açúcar e sem castanhas e mel...

Tudo isso para começar bem o meu dia... e daqui a pouco um novo lanche...

Pois lembre-se : não passar fome nestes dias.... nosso metabolismo precisa ser ativado...nosso corpo deve regular todas as suas funções.... comer bem , várias vezes e com alimentos corretos e saudáveis....

Na desintoxicação ayurvédica nada de líquidos gelados, comida congelada e, sim, muita comida fresca , orgânica, preparada preferencialmente no momento das refeiçoes, e uso de especiarias que vão estimular o nosso corpo como o gengibre, canela, mostarda em grãos, cardamomo, pimentas...

Para o almoço.... hummm... vou preparar um Dhal de lentilha rosa com cenoura, mini ervilhas frescas com ghee e curry, arroz basmati com açafrão e cardamomo e um purê de inhame...

Saúde e paz a todos...


segunda-feira, 25 de julho de 2011

Dieta saudável : Detox para seu corpo e sua mente!!!!




Você leva regularmente o seu carro no mecânico?

Quando o carro é novo, é mais comum fazer revisão. Depois, as pessoas vão abandonando a prevenção e a concessionária para arrumar o carro apenas quando ele apresenta defeitos.

Nas revisões, são feitas a troca de óleo, filtro e inspeção do veículo, para avaliar as condições gerais, como motor, correrias, freios e equipamentos de segurança. “Quando o carro é novo, na primeira revisão, é visto apenas alguns itens. Depois, a inspeção é mais demorada: além de trocar óleo e filtros, outras partes mais complicadas são analisadas, limpas ou trocadas.

Quando somos crianças nossos pais nos levam ao pediatra com regularidade: para ver se ganhamos peso, se estamos crescendo corretamente, se estamos tendo um desenvolvimento motor adequado para a idade..

Depois que vamos crescendo a visita ao medico só acontece quando algum dano ocorre, uma fratura, uma dor, uma inflamação...

E para fazer limpezas e analisar a qualidade da nossa saúde, a presença de toxinas, excesso de peso, retenção de liquido, pequenas alergias....o que e quem procuramos fazer limpezas periódicas e importantes no nosso corpo???

Quando nos alimentamos de forma inadequada, nosso corpo acumula resíduos tóxicos. Por isso, existe a necessidade de fazermos uma dieta para desintoxicar nosso organismo.

Aprendendo a nos desintoxicar descobriremos os segredos da saúde plena, a prevenir doenças e a evitar os estimulantes artificiais, que mascaram tudo com a falsa idéia de gerar prazer.

Ayurveda desenvolveu os procedimentos de desintoxicação. Todos nós precisamos deles para manter nosso corpo saudável e funcionando corretamente.

Ayurveda indica processos de limpeza profunda através do "Panchakarma”.

No entanto, Ayurveda acredita na manutenção da saúde através de um rotina diária. Como tal, há orientações alimentares para limpar o corpo por si só, sem qualquer exigência de terapias profundas. Mas estas não devem ser feitas por períodos muito longos.

Para quem estiver com a digestão lenta, muitos gases e com toxinas no corpo é importante seguir uma dieta com alimentos, especiarias capazes de estimular o agni ou o fogo digestivo.

A desintoxicação ajuda na eliminação de toxinas mentais e alimentares do nosso sistema. A saúde, segundo a ayurveda, depende de um sistema digestivo saudável, com todo trato digestivo limpo e capaz de digerir completamente todos os alimentos e com ausência de indigestão, azia, inchaço, gases... o acúmulo de toxina pode ser responsável por desequilíbrios como fadiga, redução do apetite, náuseas, mau hálito e patologias mais sérias ....

A dieta de desintoxicação ayurvédica leva em consideração uma série de fatores que falarei em alguns posts...

Primeiramente, enfatiza diminuir a ingestão de produtos químicos potencialmente nocivos e aumentar os alimentos que ajudam na limpeza e manutenção da correta saúde do nosso corpo.


Chá desintoxicante:

1 canela em casca

1 colher de chá de gengibre fresco ralado

1 colher de chá de erva-doce

1 colher de sopa de capim-limão fresco


Ferver todos os ingredientes em 1/2 litro de água. Deixar em infusão por 10 minutos e beber morno


Para aprender receitas de desintoxicação ayurvédica: Dia 27 de agosto de 2011 http://mepeg.com.br/

Final de semana Ayurvédico: Saúde e Rejuvenescimento - Pelotas - RS


Dias 10 e 11 de setembro

Workshop: Saúde e Rejuvenscimento


Horário: Sábado: 9h às 18h

Domingo: 9h às 13h


Alimentação Ayurvédica - Teoria e Preparação de receitas

Auto-massagem

Banho de ervas


Tratamento facial rejuvenescedor


Local: INSTITUTO DE SAÚDE E EDUCAÇÃO KAYDARA


PELOTAS - RS

www. kaydaraise.com.br


Valor: R$ 250,00
Vagas limitadas


Transforme sua vida!!!!


Agenda para as próximas semanas:


De 26 a 29 de julho e 5 de agosto :

Consultas Rio de Janeiro

Recreio: 9108 2252

Copacabana - Antaryamin :Rua Francisco Sá 31, sl 202 . Tel: 3201 1355



Dia 30 de julho : Dia de Rejuvenescimento e Bem-estar Ayurvédico

com Laura Pires e Janaína Chagas

Barra da Tijuca - Inscrições: 7808 4882

Dias 6 e 7 de agosto: Curso de Aprofundamento em Yoga e Ayurveda

Com Diego Koury e Laura Pires

- Barra da Tijuca- RJ Inscrições: 9464 7845



Dias 10 e 11 de agosto: Consultas no Yogaflow

- São Paulo : Rua Dina 100, Tel: (11) 3849-6857



Dia 13 de agosto: Culinária Saudável: Sopas e Caldos para todas as estações.

Rio de Janeiro- Mise en Place: www.mepeg.com.br



Dia 20 de agosto: Culinária básica ayurvédica: Receitas básicas da Ayurveda.


Recreio dos Bandeirantes- Rio de Janeiro. Tel: 9108 2252



Dia 27 de agosto: Culinária Detox:

Receitas para desintoxicar seu corpo e sua mente: Sopas, sucos, sobremesas, Lentilha, arroz, etc..

Mise en Place - Rio de Janeiro

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Feliz dia do amigo: Trem da vida


A vida é mesmo uma viagem de trem.....

No inicio nossos pais são os mais presentes... Embarcamos nesta viagem rodeados de pessoas com laços sanguíneos fortes, ou então com amigos de nossos familiares... embarcamos na maioria das vezes num local de muito amor, cuidado, carinho e dedicação..

Às vezes neste embarque somos presenteados com maravilhosos irmãos, tios, avós...que cuidam, compartilham cada momento, cada instante...

O trem continua andando e outras pessoas começam a embarcar...outras pessoas descem do trem que para de repente... ficamos desolados, tristes, mas a viagem continua...

Experenciamos momentos inesquecíveis com pessoas que ficam poucas estações conosco....ou ainda em algum momento descem de nosso vagão...mas numa estação bem distante retornam...

Outras aparecerem e nos trazem muita tristeza, sofrimento, angustia....criam confusões em nosso vagão...e depois saem sozinhas ou são até mesmo expulsas....

Alguns passageiros resolvem continuar a viagem em outro vagão, mesmo que os desejamos perto.... Alguns entram rapidamente, trocam poucas palavras, trazem ajuda, trazem a luz...

Alguns vem apenas espiar, mas resolvem ficar... outros sair...

Nossa viagem pode ser longa, curta...Pode ser alegre, confusa....

Nossa viagem pode ser marcada de grandes conquistas, de grandes tragédias...

Nosso vagão é responsabilidade nossa... como o cuidamos, como o mantemos determinará o rumo de nossa viagem...

O grande mistério é que não sabemos quem entrara no nosso vagão e fará a viagem conosco, nem quem descerá....não sabemos quanto tempo durará...

Mas sabemos que temos que fazer uma boa viagem.... talvez deixaremos nossa bagagem cheia...talvez possamos encher as bagagens de outras...ou talvez esvaziá-las....

Hoje, eu gostaria que vocês pensassem: como está seu vagão... como anda sua viagem... como andam os passageiros ao seu lado???...

Gostaria hoje de dizer que fico feliz te ter cada um de vocês de alguma forma no meu vagão, na minha viagem...

Alguns talvez tiveram que parar em alguma estação, para quem sabe um dia retornar, alguns talvez nunca mais retornem, outros são capazes escolher , analisar, ouvir , refletir...

Hoje , quero que vocês meus amigos saibam: que me orgulho muito de poder viajar com cada um de vocês, e que nossa viagem possa ser de muita felicidade, aprendizado e amor....

Feliz Dia do Amigo para todos nós....

Pensar não traz iluminação: relaxe sua mente

A realidade é algo que, costumeiramente, vai ficando cada vez mais distante de nós, devido aos nossos apegos, desejos e visões distorcidas. Para poder compreender um pouco melhor a realidade da vida e enxergar além das aparências, precisamos contemplar os ensinamentos.

Devemos nos lembrar, no entanto, que apenas compreender racionalmente não é o suficiente. Compreender é impermanente: você pode se esquecer facilmente do que aprendeu ou até mesmo compreender errado.

A compreensão deve, então, ser equilibrada com o relaxamento da mente. Você usa seu intelecto -ouvindo, contemplando, questionando, compreendendo os ensinamentos. E, logo depois, você deixa os pensamentos irem embora. Você abre mão deles, porque eles não são o bastante: eles ainda não são a realidade absoluta da sua mente.

Existem no mundo grandes pensadores, maiores do que eu e você, mas eles não atingiram a iluminação. Pensar não vai trazer iluminação.
Mas se você cultivar a compreensão clara e relaxar sua mente –relaxar toda sua subjetividade e todo seu apego à fachada do eu, e à projeção desse eu como o outro- conseguirá experimentar a natureza não-dividida do estado desperto.
Use métodos para fazer sua contemplação e relaxamento. Algumas vezes, você pode, depois de contemplar, gritar ou se mexer, fazer um mudra, ou apenas não fazer nada. Então você deve contemplar e relaxar novamente, várias vezes. É como uma gangorra, que varia de um lado para o outro.

Na verdade, o que importa é o ponto focal, o ponto de equilíbrio dessa gangorra. Se você pensar na gangorra, por exemplo, vai perceber que ela nem existe: é apenas uma tábua apoiada em uma base.

Ao atingirmos a compreensão desse ponto focal, de equilíbrio, percebemos que contemplação e relaxamento são a mesma coisa. Intelecto e essência não são diferentes. Quando conseguimos atingir esse nível, podemos considerar que nossa meditação está indo muito bem.

E então, quando conseguimos absorver a realidade, é hora de praticar a grande quebra de paradigma que o Budismo Vajrayana propõe: nos voltamos para o sofrimento das outras pessoas. É um exercício mental usado para cultivar a compaixão –que significa querer que o sofrimento do outro cesse.

Este é um processo tremendo nesse caminho para realizar a natureza iluminada da mente. Basicamente, o que ocorre é que colocamos mais ênfase nos problemas dos outros do que nos nossos, de modo a ajudá-los de maneira amorosa e compassiva.

E relaxamos nossa mente, aceitando que não temos todas as respostas para suprir as necessidades dos outros. E, então, nos voltamos para os budas e rezamos.

Rezar é um processo interessante que fazemos com nossa mente. Não pense que estamos rezando para alguém separado de nós mesmos, alguém no céu, sentado no trono, envolto por nuvens. No caso do Budismo, rezar significa voltar a nossa mente em direção à perfeição, à essência, à não-limitação, ao amor e compaixão indivisíveis e estado desperto que é sabedoria –e que sempre esteve presente.

Rinpoche comparava a oração ao sol: o sol brilha, não importa o que aconteça. Se você vive no fundo de um poço, você terá pouca luz e poderá ficar bravo porque o sol brilha pouco para você. Mas isso não é culpa do sol. Ele brilha igualmente para todos. Nós é que vivemos dentro do poço. Rezar é sair de dentro do poço e ficar exposto à luz do sol, que está lá, brilhando. O que muda é que, ao rezar, você se expõe a esse brilho, você fica mais disponível para receber os raios desse sol.

A perfeição não tem preconceitos. Não é algo que você tem que ganhar, que merecer ou conquistar. É algo que você tem que notar.



Lama Tsering


terça-feira, 19 de julho de 2011

Curso de Culinária Ayurvédica: Receitas com peixes

Dia 23 de julho - Culinária Ayurvédica : Peixes

Horário: 9h as 13h

Garanta já a sua vaga.


ENDEREÇO: Estrada da Barra da Tijuca, 1.636 -

Bloco B - Loja A - Itanhangá - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro


Valor: R$ 180,00


Telefones: 2491-4090 / 7735-3003

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Guru Purnima


Hoje é Guru Purnima: a lua cheia do guru.




Reverenciamos àqueles que preservam a tradição e nos ensinam os

caminhos para libertação das ilusões do corpo, da alma e da mente.

Jay Guru

a todos os grandes mestres que me inspiram neste caminho de

consciência,

equilíbrio, saúde e transformação.

Lanche de Hoje: Arroz doce com leite de coco



Estou com meu Vata meio alterado.

Passei alguns dias trabalhando em Porto Alegre e meu corpo e minha mente sentiram os efeitos do frio, o ressecamento da pele devido a exposição a aquecedores, um pouco de rigidez na musculatura, ...todos sintomas de excesso de Vata no corpo...

E agora para voltar ao normal...muitos banhos de óleo morno, yoga intensificada, e uma alimentação rica em sabores doce, azedo e salgado...


E hoje, para um lanchinho da tarde preparei este saboroso e pacificador de Vata: Arroz doce com leite de coco e especiarias...


Segue a receitinha para vocês...


Paz e saúde a todos


ARROZ DOCE

Ingredientes

1/2 xícara (chá) de arroz basmati cru

1/2 litro de leite integral

1/2 vidro de leite de coco (100ml)

1/2 xicara de açucar demerara

Canela em pó e canela em pau

cardamomo moído

10 Pistaches triturados



Modo de preparo Em uma panela, cozinhar o arroz no leite, juntamente com a canela, ao fogo médio.

Após 10 minutos, acrescentar o açúcar, deixar mais 20 minutos e logo em seguida acrescente o leite de coco e cozinhe até ficar um liquido bem espesso e arroz bem cozido..

Desligue o fogo, adicione a canela, cardomomo moído e por último o pistache.

Sirva morno